Você está contente com o seu LMS? Parte 2 – Gestão do LMS

Boas práticas para Gestão do LMS

A estratégia de Gestão do Conhecimento nunca se fez tão necessária quanto nos dias atuais. A crise financeira que bate na porta de muitos empresários, empurra-os para uma tomada de decisão cada vez mais rápida e eficaz. Essa busca de resultados imediatos e assertivos nos negócios faz com que muitos gestores comecem a pensar em novos modelos para aumentar a produtividade e rentabilidade. Cada vez mais as equipes e colaboradores têm caminhado para serem multidisciplinares, afim de entregar mais com menos recursos.

Em direção à esta proposta as áreas de Recursos Humanos e Treinamento & Desenvolvimento estão investindo cada vez mais em projetos de Universidade Corporativa e treinamentos à distância (e-learning) por serem eficientes no modelo de ensino aprendizagem e terem custos mais baixos que treinamentos presenciais.

Porém, encontramos muitas empresas que investem pesado em uma plataforma de LMS sem saber utilizar todo o poder que este sistema oferece. RH e empresa precisam alinhar a estratégia e foco da empresa com o público-alvo, considerando como estratégico o projeto da Universidade Corporativa.

No acrônimo LMS, relembramos, o “M”, de Management: É a perspectiva da Gestão do Conhecimento. Terra (2005.p33) explica que a Gestão do Conhecimento se refere aos processos de geração, identificação, validação, disseminação, compartilhamento, proteção e uso dos conhecimentos para gerar algum tipo de resultado. Se olharmos desta perspectiva, a Gestão do Conhecimento é algo notoriamente estratégico, pois permitirá a circulação do conhecimento na empresa. O gerenciamento da aprendizagem ocorre quando podemos acompanhar a criação, publicação e disseminação de um conhecimento e aferir o retorno dos alunos pelo sistema, de forma a assegurar que houve alguma mudança cognitiva, habilidade, crenças ou valores.

Portanto, pensando em otimizar o investimento do seu LMS, preparamos dicas rápidas e assertivas que irão fazer que o “M” (Management) do seu LMS seja usual e efetivo, estimulando e engajando colaboradores ao seu uso, e consequentemente ao aprendizado, o que certamente irá impactar na performance positiva de cada colaborador.

Aumentando o engajamento com a Gestão do LMS

Muitas empresas nos procuram pois não estão conseguindo engajar seus colaboradores para utilizarem o LMS. Isso ocorre porque elas não possuem uma cultura voltada aos modelos atuais de ensino aprendizagem, que envolvem o uso de um Ambiente Virtual de Aprendizagem. Porém, em alguns casos, percebemos que a falta de interação se dá pela pouca usabilidade do sistema e também pelo seu design e a experiência de usuário que ele fornece, sendo que, em muitas vezes é antiquado e ultrapassado.

Para estimular o uso da plataforma é muito importante levar até o colaborador um Ambiente Virtual de Aprendizagem atrativo, em todos os quesitos, seja pelo seu design e navegação intuitiva e também em fornecer conteúdos interessantes.

Busque sempre práticas que facilitem a vida do colaborador, que muitas vezes possui pouco tempo para a realização dos treinamentos. Simplifique o acesso à informação, o que certamente irá agilizar processos, evitando que o usuário se irrite caso ele não encontre as informações e conteúdos que deseja.

Aqui na SOU, empregamos a criação de portais personalizados, que consiste em customizar o LMS (independente de qual seja), para facilitar a navegação, criar usabilidade e fornecer mais experiência para o usuário, sempre alinhado com a estratégia e guide da empresa atendida.

Buscamos utilizar conceitos avançados de design, com visuais mais atrativos que estimulem a permanência do usuário e acesso fácil e rápido às informações, procuramos manter uma comunicação bidirecional, afim de envolver o usuário na participação do portal, fazendo com ele se sinta parte da estratégia da empresa, promovendo a comunicação interativa.

Recursos próprios para Gestão do LMS

Algumas empresas já possuem toda sua estratégia de Gestão do Conhecimento pronta, com trilhas de aprendizagem e planos de desenvolvimento já bem estruturados. Mas, muitas vezes não pensam que para atingir seus objetivos temos que colocar em prática o que pensamos anteriormente, e nesta etapa, são necessários recursos próprios, multidisciplinares, que estarão focados em tornar a Universidade Corporativa uma realidade.

É fato, nem toda empresa possui uma equipe especializada para desenvolver as atividades que envolvem esta natureza, como customização de portal, suporte aos usuários, planos de comunicação para elevar o engajamento, relatórios personalizados e toda Assessoria Operacional do projeto.

Porém, se a sua organização considera o plano de Educação Corporativa estratégico para organização, recomendamos ter uma equipe multidisciplinar alocada ou contar com parceiros que executem a parte operacional para que você cuide do estratégico, assim como acontece no projeto Academia Syngenta FFE (Força de Vendas), da Syngenta Brasil.

Assista ao vídeo abaixo e veja como um parceiro pode executar toda Assessoria Operacional do seu projeto e fazer a diferença nas entregas.

Ter especialistas na Gestão de LMS

Uma das grandes vantagens de se possuir um LMS é saber todas as suas funcionalidades, entendendo como e quando é o melhor momento de utilizá-las. Mas, nem todas empresas possuem experts em Ambientes Virtuais de Aprendizagem, o que muitas vezes, acaba freando processos do T&D, e por consequência, impossibilitando que colaboradores sejam treinados de forma plena.

Aqui na SOU, buscamos prestar serviços especializados em consultoria e gestão de projetos para desenvolvimento de pessoas, ou seja, garantir mais agilidade a todo processo, uma vez que possuímos amplo Know How em consultoria estratégica de treinamento e engajamento, além de conhecermos profundamente e tecnicamente, as plataformas de LMS mais utilizadas do mercado.

Ter todas essas qualidades não significa que seus usuários não terão dificuldades de acesso e dúvidas no LMS, portanto é necessário uma disponibilidade contínua e respostas rápidas, que pode ser fornecida por parte de uma equipe focada no suporte, buscando sempre solucionar dúvidas e superar as expectativas dos usuários finais. Este momento entre suporte e usuário é crucial para que o colaborador compre a ideia e abrace seu projeto de Universidade Corporativa. Uma vez que se o mesmo se frustrar e enfrentar dificuldades que o impossibilitem a execução das atividades, podemos criar um ruído entre Treinamento & Desenvolvimento e colaborador, impactando seriamente em sua performance.

Esperamos que estas dicas façam com que você tenha em mente que a gestão de um LMS é complexa e deve seguir boas práticas, sempre alinhadas à estratégia de Gestão do Conhecimento e estratégia da companhia, para que seja efetiva e reflita bons resultados à sua empresa.

Baixe agora nosso e-Book e saiba passo a passo como extrair o melhor do seu LMS e ainda conhecer as melhores práticas para a gestão da sua Universidade Corporativa!

chamada ebook como extrair o melhor do seu LMS


www.sou.com.br

1 comment

  1. 6 passos para extrair o melhor do seu LMS - Blog da SOU

    […] o problema com ferramentas alternativas. Parte deste desconforto de muitas organizações, em não utilizar seu LMS Global, se dá pela complexidade de configuração de um sistema LMS Global e pelo baixo suporte que a […]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *