5 dicas para fortalecer suas ações de Treinamento e Desenvolvimento corporativo para a indústria farmacêutica

O setor farmacêutico é um dos setores mais desafiadores da economia: poucas indústrias são tão reguladas, complexas e competitivas.

A força de trabalho é fundamental para esse setor extremamente dinâmico. Garantir que as equipes estejam prontas e atualizadas com o conhecimento mais recente sobre a área de atuação de uma companhia farmacêutica é uma tarefa desafiadora.

Desde questões de conformidade e aquisições até a introdução de um novo medicamento no mercado, os funcionários da indústria farmacêutica sabem que o aprendizado contínuo é essencial para o sucesso profissional, assim como os gestores reconhecem que um time qualificado ou treinado inadequadamente pode representar uma ameaça à produtividade, à qualidade e aos resultados, o que pode ser devastador em um mercado tão feroz.

Investir na formação de trabalhadores é, portanto, crucial para o sucesso de uma companhia farmacêutica.

As empresas que investem no desenvolvimento de seus colaboradores rapidamente percebem que uma cultura de aprendizado transforma o desempenho de suas equipes, que tendem a se envolver mais com a operação, assumindo responsabilidades de forma mais consciente e proativa, com uma compreensão maior, mais rápida e profunda sobre os processos ligados às suas tarefas. Eles também são mais propensos a adotar metas e se esforçam para superar as expectativas.

Com isso separamos um passo a passo com 5 dicas para fortalecer as suas ações de Treinamento e Desenvolvimento:

  1. Onboarding

Com o tipo certo de ferramentas e conteúdos especiais podemos configurar os programas de treinamento para facilitar a adaptação de novos funcionários à cultura corporativa, introduzindo elementos que os ajudarão a avançar nos próximos passos. Ações de onboarding também são importantes para colabores que mudam de área ou cargo dentro da estrutura corporativa, por exemplo. Ações voltadas para estes momentos reduzem custos de treinamento posteriores, aceleram a performance das contratações, reduzem a rotatividade e fortalecem os planos de carreira oferecidos pela empresa.

  1. Processos detalhados

O treinamento deve ser uma fonte constante de informações sobre a empresa, tanto sobre suas necessidades internas quanto sobre seu posicionamento e a realidade de mercado em que está inserida. Através do LMS e de apps mobile é possível comunicar atualizações de políticas e conformidade de forma eficaz a todo o pessoal, estejam eles concentrados na fábrica, na administração ou no campo, com ferramentas avançadas de notificação e ações de microlearning, como jogos ou pílulas de conhecimento, que contextualizam a relevância destes dados e ajudam a equipe a transpor o aprendizado para o dia a dia da operação.

  1. Treinamento contínuo

Para manter seu time afiado é imprescindível desenvolver materiais de suporte e revisão constantemente atualizados. A universidade corporativa apresenta características interessantes ao agregar todo o conteúdo e transformá-lo em ferramentas de uso prático no dia a dia, mas ela precisa ser mais do que um centro de treinamento: deve ser o centro para onde os colaboradores se voltam quando procuram por respostas. Por exemplo, é possível estruturar o aprendizado em etapas, entregando o conteúdo e os módulos que o funcionário realmente precisa para se desenvolver, ganhando em produtividade, assertividade e enriquecendo o aprendizado.

  1. Conteúdo sob demanda

Soluções sob medida são essenciais para empresas que atuam com produtos de alta complexidade, em mercados regulados e relevantes não apenas para a empresa, mas para a população de médicos e pacientes que dependem e confiam em seus produtos. Contar com conteúdos e ferramentas especialmente desenvolvidas para seu time, sua estrutura e seus produtos é um passo importante para a gestão de qualidade, para a conformidade e para o sucesso de sua operação como um todo. A universidade corporativa deve ser pensada como uma biblioteca do conhecimento e estruturada para permitir conteúdo autoral e criativo. Soluções mobile também são parte importante desta estrutura, pelo alcance e capacidade de entrega.

  1. Relatórios abrangentes

Com relatórios detalhados, o LMS pode ajudar os gestores a identificar pontos fortes e fracos do treinamento, facilitando a tomada de decisão e a alocação de recursos. Os relatórios de gestão são fundamentais para o planejamento estratégico e para uma análise avançada sobre o desempenho dos funcionários e sobre eventuais gaps de treinamento.

Os programas de treinamento e desenvolvimento são fundamentais para os esforços de melhoria, e o treinamento corporativo deve ser pensado como um processo contínuo, planejado para desenvolver e fortalecer habilidades, conhecimento e competências em alinhamento entre colaboradores e gestores, em um compromisso coletivo com o sucesso da empresa. Estas características dão às companhias uma importante vantagem competitiva, que agrega engajamento, qualidade e melhores resultados à operação.

 

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *