A importância do planejamento sucessório

Preparar o futuro de uma empresa envolve muito planejamento e um profundo conhecimento sobre seu negócio. Mas ao mesmo tempo em que dedicamos tempo e recursos na discussão de estratégias e objetivos de mercado, é importante considerar os riscos e impactos que uma aposentadoria ou a saída de funcionários em cargos estratégicos podem oferecer a este futuro tão desejado.

Como mudanças assim não podem ser chamadas de “imprevisíveis”, é importante focar os Recursos Humanos no processo de identificar e desenvolver talentos e lideranças para que estejam preparados para ocupar posições críticas ao negócio quando for o momento.

Por que o planejamento sucessório é importante?

Deixar posições importantes em aberto dentro de uma organização pode ter vários efeitos negativos, especialmente no longo prazo. Projetos e decisões críticas adiadas afetam a capacidade da empresa em atender às expectativas de seus clientes, podem comprometer a capacidade de produção e impactam negativamente os resultados e o crescimento dos negócios.

A retenção de talentos para cargos de liderança é uma necessidade estratégica e envolve mapear, avaliar e desenvolver competências essenciais para o futuro da organização por meio de um planejamento que ajude a empresa a obter uma vantagem competitiva, além de reforçar seus valores e garantir o seu futuro. O planejamento de sucessão é um aliado importante para:

  • Identificar os líderes futuros mais qualificados;
  • Criar as estruturas de treinamento e desenvolvimento que apoiarão o time;
  • Ajudar no planejamento da empresa a longo prazo;
  • Assegurar que a empresa mantenha um banco de talentos coeso e voltado especificamente a seus objetivos;
  • Valorizar a memória corporativa, mantendo a identidade da marca perante o mercado e o público consumidor;
  • Reduzir custos com novas contratações.

3 dicas importantes para criar um plano de sucessão eficaz

Não espere por uma crise para começar

O planejamento efetivo da sucessão é um processo de longo prazo, que deve ser pensado de forma antecipada, a tempo de desenvolver uma estratégia para superar os desafios identificados sem prejudicar os resultados da empresa. Faça deste processo uma prioridade, comprometendo tempo e recursos necessários para focar e antecipar as transições de liderança e preparar novos aprendizes para estas funções. O foco deve estar na identificação de quais funcionários têm as habilidades e competências necessárias para conduzir a organização às suas necessidades e objetivos futuros.

Mantenha a mente aberta

Nem sempre o caminho mais seguro entrega os melhores resultados: decidir que o próximo funcionário em um organograma é o sucessor natural para a posição pode ser mais fácil e rápido, mas não necessariamente é o melhor para o colaborador (que pode estar em busca de novas oportunidades de aprendizado dentro da própria empresa) ou para a organização (que pode perder ao não apostar em novas visões e experiências). É importante desenvolver um banco de talentos baseado em qualidades comuns, como conhecimento técnico, iniciativa e liderança, mas lembre-se que nem todos precisam seguir uma mesma cartilha de habilidades ou conhecimentos. Sempre tenha em mente que existem diferentes possibilidades de liderança e inúmeros talentos que podem adicionar vantagens competitivas importantes para sua empresa, atuando de forma complementar e inovadora em relação às demais competências de seu time e às expectativas de determinada área ou departamento de sua organização.

Valorize seu time como um todo

O planejamento sucessório não será capaz de atingir todos os seus colaboradores. Bons funcionários são a espinha dorsal de uma empresa, mas alguns destes profissionais podem não ter o potencial necessário para avançar dentro da estrutura corporativa. Valorize e continue a apoiar o desenvolvimento de seu time para que todos se mantenham atualizados e sempre desempenhem o melhor para suas funções. Engaje estes profissionais em atividades e processos que ajudem a mantê-los motivados a trabalhar em sua empresa, com planos de carreia para posições estratégicas que não necessariamente envolvam liderança, mas os ajudem a se sentir reconhecidos. As possibilidades são infinitas quando se trata de desenvolvimento pessoal.

Por meio de um planejamento eficiente de sucessão é possível fornecer um desenvolvimento direcionado de e para seus colaboradores, o que resulta em maior motivação e engajamento de suas equipes, além de um aumento na produtividade da força de trabalho e na conquista mais rápida de metas importantes para seus objetivos.

É importante que sua estrutura corporativa seja proativa na busca e no desenvolvimento de sucessores e talentos em potencial: com o planejamento sucessório será possível estruturar este processo, transferir conhecimentos, compartilhar habilidades e identificar pontos fracos desde o início, acelerando os resultados de sua operação.

Quer saber mais? Entre em contato com a SOU!

Um abraço,

Leydjane Laís
Marketing | Gestão de Talentos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *